A Bíblia, O Livro dos livros – Salmos 19:7-10 – Tiago Souza

Certo jovem convidou o seu amigo para uma viagem. O carro era pequeno e tinha espaço para poucas coisas. O amigo, para certificar-se que estava levando tudo, pega uma lista e começa a ler: mapa, ok. Uma lâmpada, ok. Uma bússola, ok. Um espelho, ok. Uma espada, ok. Alguns livros de historias, ok alguns livros de poesias, ok.

A essas alturas, o amigo já estava apavorado:

– Mas cara, o carro já está cheio, não vai dar para você levar tudo isso!

– acalme-se, está tudo aqui, e mostrou-lhe a sua bíblia!

Essa é apenas uma ilustração da preciosidade da palavra do Senhor!

Ela é o Livros dos livros:

A bíblia é o livro mais lido, comprovado, citado, estudado, amado, preservado, traduzido e publicado de todos os tempos. Nela encontramos os atributos de Deus, a pecaminosidade do homem, o caminho da salvação, o destino dos pecadores e a felicidade dos crentes. A doutrina que nela encontramos é santa e pura. Seus estatutos são obrigatórios, suas historias são verdadeiras, suas decisões são imutáveis e sua precisão é perfeita. Leia a bíblia para ser sábio, creia para ser salvo e a pratique-a para ser santo.Image

Na bíblia encontramos alimento para a nossa alma, luz para o nosso caminho, e água para a nossa sede. A bíblia é o mapa do viajante, a bussola do peregrino, a espada do soldado e o ouro do mineiro.

Exposição do Salmo 19:7-10

No inicio do Salmo 19, Davi nos fala sobre os maiores missionários da terra. Os astros, os planetas, todo o universo grita aos nossos ouvidos e nos revela a glória de Deus. Nos seis primeiros versos deste salmo Davi se preocupa em fazer Deus majestoso, glorioso e criador de tudo. A partir do verso sete ao verso dez Davi nos chama a participar dessa glória de Deus! Enquanto os seis primeiros versos nos falam sobre a glória da revelação geral de Deus , o versos 7-10 nos chama para a glória da revelação especial de Deus. O cenário muda do mundo de Deus para a palavra de Deus.

Portanto nesses 3 versículos (7-10) Davi nos chama para atentar o quanto a Palavra de Deus é gloriosa, perfeita e sublime.

Cada um dos quatro versos paralelos contém um titulo para palavra de Deus. Cada uma descreve o que sua Palavra é; e cada uma pronuncia o que ela efetivamente cumpre naqueles que a buscam. Para Davi, em todos os versos, a palavra é do Senhor. Ela não é de homem algum. Ela tem origem divina. Ela é do Senhor e isto é bem claro em todos esses três versos.

“A Lei do senhor é perfeita e revigora a alma” Salmo 19:7a

Dr. John MacArthur, um dos maiores expositores bíblicos da atualidade, disse que em seus estudos para expor esse verso gastou algumas horas para achar o real significado do porque a lei do Senhor é perfeita. Em seus estudo descobriu que a lei é perfeita não em contraste com o imperfeito, mas em contraste com o incompleto. Ou seja, ela é perfeita porque é completa! Nada precisa ser acrescentado na lei. Ela por si só tem poder suficiente de alcançar a nossa alma e revigorar a nossa fé. Quantas vezes nos apegamos a esse livro em momentos de crise existencial, de problemas, de aflições e a Lei do Senhor sempre esteve pronta para nos ouvir, para nos instruir e para revigorar a nossa alma.  Assim como a nossa alma se refrigera nos braços do bom pastor do Salmo 23, a nossa alma se revigora na lei do Senhor! O mesmo autor desses versos chega a conclusão no primeiro Salmo 1 ,declarando “que feliz é o homem que  e medita nessa lei de dia e de noite”. De fato a Lei do Senhor é um mar de infinitas bênçãos para aqueles que a buscam!

“Os testemunhos do Senhor são dignos de confiança e tornam sábios os inexperientes” Salmos 19:7b

Os mandamentos eram conhecidos por esse nome (Ex 25:21) e constituem a base de toda a lei do Senhor. Porem toda a escritura é testemunho de Deus para nós de quem Ele é! É nas escrituras que vemos que a palavra do Senhor, de fato, testemunha fielmente sobre a pessoa e a obra do Senhor. Esses testemunhos são dignos de confiança, ou seja, nós devemos depositar toda a nossa fé nas historias, nos preceitos, nas narrativas, nas ordenanças que nela existe! O evangelho, ou o testemunho do Senhor são dignos de confiança e tornam sábios os inexperientes. Certa vez John MacArthur recebeu em seu gabinete pastoral um homem muito aflito. Este relatava que já estava frequentando alguns cultos ali na igreja e resolveu confessar os seus pecados ao Pr. MacArthur. Este homem era médico abortista. Este homem ganhava milhões de dólares com aborto de bebês inocentes. Seu consultório recebia pessoas do mundo inteiro. Quando o casal que ali vinha se consultar e não havia motivos para abortar a criança, esse médico criava um motivo, uma razão para o um aborto. Aquele médico disse também que estava em depressão. Estava no seu quarto casamento e não gostava de viver com a atual mulher. Ele suplicou ao Pr. MacArthur por ajuda. Sua alma estava completamente aterrorizada por anos e anos de pecado. Dr. MacArthur olhando para aquele homem respondeu: “Eu não posso! Eu não posso te ajudar. Eu não tenho poder para resolver seu problema.” Enquanto aquele homem ouvia essas palavras seu coração ficava cada vez mais desesperado. Enquanto aquele homem refletia sobre aquelas duras palavras, o Pr. MacArhur disse: “tome esse livro (a bíblia) e leia o evangelho de João. Semana que vem podemos conversar novamente.” Aquele homem na semana seguinte volta ao gabinete do Pr. MacArthur no este pergunta: “Você leu o que pedi? “Sim, eu li o evangelho de João” , respondeu ele. “E o que você achou?”perguntou MacArthur. “Eu achei Deus! Jesus é Deus. Ele não pode fazer o que ele faz se ele não for Deus! Ele é Deus. E também eu li Romanos e descobri que eu sou pecador por natureza, mas descobri também que Jesus pagou por todos os meu pecados e pela fé posso ser justificado por Deus”

Aquele homem descobriu o poder da mensagem do evangelho! Ele torna sábios os inexperientes!

 

“Os preceitos do Senhor são justos, e dão alegria no coração” Salmo 19: 8a

As determinações, os padrões e os valores da bíblia são justos. Aqui o salmista nos informa que a palavra do Senhor tem o mesmo peso que o seu próprio atributo: Se Deus é justo, a sua palavra deve ser justa! E na palavra do Senhor vamos encontrar mandamentos, ensinamentos que não tem variação no seu caráter ou desproporções para com os desejos de Deus. Ela é reta, ela é justa em tudo diz. Qual santa consequência disso? A justiça da palavra do Senhor trás alegria no coração do homem! O próprio Jesus diz em João 15:11 : “Eu vos falo estas palavras para que a minha alegria esteja em vocês e a vossa alegria seja completa!”. É nas palavras do evangelho que encontramos a real alegria da nossa alma, pois é no evangelho que nos aproximamos de Deus e temos a alma recheada de alegria!

 

“Os mandamentos do Senhor são límpidos e trazem luz aos olhos” Salmo 19:8b

Aqui o Salmista se preocupa em trazer para a vida prática dos ouvintes aquilo que é estabelecido na palavra do Senhor. Davi apela para a observação amorosa da palavra de Deus com conformidade com a prática que exige. Os mandamentos, que são muito mais do que 10, são advertências para um viver santo daqueles que buscam á Deus. Diferente de uma ditadura ou algo do tipo, o Senhor estabelece esses mandamentos para o próprio bem dos fieis e os permite que eles se pareçam com o próprio Deus. Foi o mesmo Deus que disse em Lv 20:7: “santo por eu sou santo”! Como posso ser santo se não pratico a palavra? Por isso o Senhor nos impulsiona a praticar os seus mandamentos. Ele quer que sejamos santos e parecidos com Ele. Davi também no fala que estes mandamentos são límpidos! Eles não são obscuros, sujos e nevoados. Eles são límpidos, eles são claros e trazem luz aos olhos. O salmista quer dizer que os mandamentos não nos fazem tropeçar como cegos que só enxergam uma total escuridão. Os mandamentos faz com que possamos ver claramente as coisas como elas realmente são!

 

 

“ O temor do Senhor é puro, e dura para sempre” Salmo 19:9a

O Temor do Senhor nos ensina a ter reverencia para com Ele. Não é possível ter alegria na alma, sabedoria no coração, luz nos olhos se não tivermos temor ao Senhor. Talvez seja essa a razão do salmista colocar este verso como uma das ultimas referencias á palavra do Senhor. Ele quer deixar latente que a Palavra do Senhor nos fala sobre uma reverencia pura e santa. A palavra causa no coração daqueles que a buscam tal temor que o que mais eles desejaram é não pecar contra um Deus que é puro. E este temor dura para sempre, ou seja, teve valor para os dias de Adão, teve valor para dias de Davi e tem valor para os nossos dias! A palavra do Senhor sempre será pura e verdadeira!

“As ordenanças do Senhor são verdadeiras, são todas elas justas” Salmo 19:9b

A palavra “ordenanças” pode estar se referindo aos decretos eternos de Deus como juiz que julga com grande retidão. Ao longo de toda a escritura vemos os decretos do Senhor e seus juízos sobre anjos, demônios, indivíduos e nações. Esses juízos nos revelam o caráter do Senhor e nos mostram o que lhe agrada ou não. Quando digo “agradar a Deus” não estou falando de sentimentos, ou paixões. Deus não se deixa levar por isso! Mas o agrado do Senhor que está alinhado com a sua justiça, o qual é um atributo obvio de Deus santo. Por isso o salmista chega a está conclusão : As ordenanças e os juízos do Senhor são justos! Deus age com justiça na justiça porque Ele é justo!

Conclusão:

A palavra do Senhor é tudo isso: Lei, testemunho, preceito, mandamento, ordenança e juízo. Chegamos então á conclusão, juntamente com Davi, no verso 10: “A palavra do Senhor é mais desejável do que o ouro, do que muito ouro puro; são mais doces do que o mel;  são mais doces do que as gotas do favo!”

Davi diz que a palavra é mais importante do que o ouro! O ouro, em todas as nações e em todos os tempos sempre foi motivo de obsessão.

Portanto, se a Palavra do Senhor é mais valiosa do que o ouro, eu pergunto: você tem obsessão pela palavra do Senhor? Ela já tomou o lugar devido no seu coração? Qual é o valor que você dá a bíblia? Ela tem valor para você?

Davi diz também que ela é mais doce do que o mel!

Portanto, se a palavra é tão doce assim, eu pergunto: Você tem apetite pela palavra? Você deseja ler, entender e  pratica-la no seu dia-dia assim como você se alimenta? Você é tão apaixonado quanto Davi pela palavra ao ponto de meditar nela de dia e de noite? (Salmo1: 2)

Deixe a Palavra do Senhor ser TUDO na sua vida! Ela mesma dá testemunho do seu valor, por isso nós encontramos esses três versos escritos nela!

Tenha a palavra do Senhor como o seu bem mais precioso. Tenha ela como um valor inestimável e como um alimento inesgotável.

abraços

Anúncios

Novo Nascimento – Como acontece? – Tiago Souza

Novo Nascimento – Como acontece?

Há uma frustração geral quanto à vida. Não há dúvidas que o homem percebeu há muito tempo que há algo de errado com a humanidade. A humanidade ainda não se perdoou pela morte de mais cem milhões de pessoas em duas grandes guerras mundiais que deixará cicatrizes para sempre na história.

Ao ligar a TV ficamos assustados com as noticias que nos cercam. Pais que matam seus filhos. Filhos que matam seus pais. Guerras químicas, terrorismo, sequestros, estupros são manchetes corriqueiros nos jornais.

Assim ficamos a nos perguntar: O que há de errado com a humanidade?

Na busca de respostas satisfatória para esse mal, o homem cria para si algumas falsas soluções:

Na religião:

Os antigos gregos, por exemplo, especulando uma possível resposta para isso apelaram para o gnosticismo. Segundo eles, a carne, a materia é má. O homem de carne e osso é mau. Para os gnosticos o mundo dos mortais está em caos. Este pensamento, ou pequenas variações dele, estão presentes em outras religiões. Há uma decepção quando à vida na religião. Essa é a causa da criação de várias emaranhadas de suposições quanto á necessidade de mudança do homem. Alguns pensam em carmas, outros em reencarnações e ainda outros pensam em purgatório ou algo do tipo.

Na filosofia:

No âmbito filosófico também não é diferente. A filosofia também há muito tempo percebeu que há algo de errado com humanidade. Nietsche, pai do existencialismo moderno, era tão pessimista que afirmava que a vida vai de encontro ao total caos e total desgraça. Para Nietsche é inevitável qualquer esforço para aliviar os desconfortos e os problemas da vida, ela está indo ao encontro da total desgraça somente!

A teoria evolucionista também não vê com bons olhos a humanidade. Para Darwin, o homem está em evolução! Para Darwin éramos primatas e agora somos homens, amanha talvez possamos nos transformar em qualquer outra coisa! Tal pensamento também reflete a insatisfação quanto á vida, pois esta, segundo a teoria evolucionista, também precisa de mudanças!

 

A Conclusão que chegamos:

Tais pensamentos refletem a percepção que o próprio ser humano tem de si mesmo:  Há algo de errado com a humanidade!

O homem percebe que há algo de errado com a sua natureza. E nessa percepção eles estão corretos. Eles estão totalmente enganados quanto á solução do problema, mas a sua percepção é totalmente válida!

Para isto, o evangelho é a única via que nos propõe uma solução plausível e que tem eficácia para este mal epidêmico.

O evangelho não nos propõe uma transformação dessa vida ou uma mudança nesta vida. O evangelho nos propõe uma NOVA VIDA. Uma nova semente. Um novo nascimento. Uma regeneração.

E a pergunta que eu faço é: Como isso acontece? Como Nascemos de novo? Como podemos ter uma nova semente? Uma nova vida?

Primeiro vamos analisar dois aspectos da regeneração (novo nascimento). O aspecto que visa a soberana graça de Deus e o aspecto que visa a responsabilidade humana.

 Leia 1° Pedro 1:3-25

O Novo Nascimento sob a ótica de Deus

– No verso 3 Paulo inicia sua exposição ressaltando o seu louvor a Deus por ter usado de misericórdia para com os eleitos,  misericórdia essa que produziu a regeneração, novo nascimento.

– Essa misericórdia, segundo o verso 3, é usada por meio da ressurreição de Cristo dentre os mortos. Portanto pelo fato de ter Cristo feito a propiciação devida pelos nossos pecados e ter ressuscitado dentre os mortos , Deus usa de misericórdia para conosco nos dando uma nova vida em Cristo. Portanto, o ponto de partida é a pessoa e a obra de Cristo! Deus fará tudo isso por meio Cristo!

– Se Deus é o agente primário do novo nascimento, isso nos informa que ninguém tem o poder de realizar tal obra. Nenhum homem tem poder para realizar isso! Assim como um bebe não decide nascer do ventre de sua mãe, o homem não decide por si próprio nascer de novo.  Essa doutrina, da realização exclusiva do novo nascimento, deve estar bem centrada no nosso entendimento. Se a exclusividade da operação do novo nascimento é estritamente de Deus em Cristo, o homem é incapaz de realiza-lo.

Por quê?

– A Bíblia nos fala que somos mortos em nossos delitos e pecados. Efésios 2

– A Bíblia nos fala que por natureza estamos separados de Deus. Isaias 59.2

– A Bíblia fala que a nossa condição humana faz com que trocamos a verdade de Deus pela mentira. Romanos 1:18

– A Bíblia nos fala que satanás a cegou o entendimentos dos homens. 2° Coríntios 4.4

Portanto, é impossível para homem operar a obra da regeneração! A sua condição humana o torna incapaz de realizar tal obra. O homem é impotente para crer naturalmente nas coisas divinas. É preciso uma obra sobrenatural no seu coração. Veja por exemplo o que diz Richard Dawkins (ateísta militante) na pagina 146 do seu livro “Deus, um delírio”. Dawkins diz: “há, porém, uma coisa esquisita…Acreditar não é uma coisa que se possa decidir, como se fosse uma questão política. Não é pelo menos uma coisa que eu consiga decidir por vontade própria. Posso decidir ir á igreja e posso decidir recitar a novena… Mas nada disso pode realmente me fazer acreditar se eu não acreditar”

Dawkins está certo nesta afirmação! Não temos o poder de decidir crer. Não temos a liberdade de escolher Deus e acreditar Nele. É preciso por tanto de uma obra sobrenatural, se não nada podemos fazer!

Portanto, a regeneração é obra de Deus. Ele o faz em Cristo através da sua pessoa e obra operando a sua rica misericórdia para conosco. Louvado seja o Senhor por isso!

O Novo nascimento sob a ótica da responsabilidade humana

O Novo Nascimento acontece no coração do homem. É o homem que precisa de tal mudança, portanto, o homem participa do novo nascimento. Ele não o faz. Ele não a produz, mas ele participa!

Como?

Quando Deus usa de misericórdia para com seus eleitos, ele faz com que a mensagem do evangelho, que nos fala sobre a pessoa de Cristo, venha se tornar uma verdade no coração do homem através da operação do Espirito Santo! Portanto deve haver uma participação do homem através da aceitação dessa verdade. Nós precisamos ouvir o evangelho, entender o evangelho e responder ao evangelho que nos chama de forma eficaz na pregação do evangelho! (Tiago 1:18; 1Pedro 1:23; João 3:6-8)

Um exemplo muito próprio para este argumento é a narrativa da ressurreição de Lazaro em Lucas 11.  Lázaro estava morto há quatro dias. O evangelho de Lucas nos fala que Jesus caminha de Jerusalém até Betânia para ver e consolar a família do já falecido Lázaro. Jesus então chega  em frente ao tumulo do falecido e da uma palavra de ordem! Lazaro então volta á vida. Lázaro ressuscita!  Então perguntamos: Onde Lazaro participou desse milagre? Exatamente na sua ressurreição! Foi Lazaro que ressuscitou e voltou a viver! Jesus chama, Lazaro responde.

Então podemos considerar os seguintes pontos sobre o Novo Nascimento:

1° O Senhor escolhe.

2° O Senhor chama.

3° O homem torna a viver (nasce de novo).

4 ° O homem responde com fé.

Image

Conclusão: 

Portanto, a nossa teologia é monergista! Ou seja, a obra da salvação, o novo nascimento e a conversão é obra exclusiva de Deus, no que podemos somente ser receptores dessa obra e responder com fé, segundo a eleição incondicional de Deus!

A Resposta positiva que damos á mensagem do evangelho é produto do novo nascimento. É o novo nascimento que nos torna capaz de entender o sacrifício de Cristo e entender o que Deus fez em Cristo. A fé é produto do novo nascimento e não o novo nascimento produto da fé.

Qual a implicação disso tudo?

Qual a nossa atitude ao saber disso?

Adorar a Deus! Graças á Deus que isto é obra Dele e não nossa!  Se a obra da regeneração for de Deus, como de fato é, Ele o fará com grande maestria e perfeição. Veja por exemplo o que 1° Pedro 1:23 diz: “vocês foram regenerados, não de uma semente perecível, mas imperecível, por meio da palavra de Deus, viva e permanente.” A obra do novo nascimento feito no coração dos eleitos não há prazo de validade! A obra do novo nascimento no coração do homem não vai apodrecer ou ficar enferrujada! Ela é imperecível! Nós nascemos de novo, e nascemos de novo para todo o sempre!

Está é a graça de Deus, que nos abençoa com uma nova vida! Uma nova perspectiva! Uma nova e verdadeira alegria. Louvado seja o Senhor por isso!

Bibliografia:

Piper,John. Finalmente Vivos. Fiel

4 Verdades que um adorador leproso nos ensina! Salmo 88 ( O Salmo mais triste da Bíblia) – Tiago Souza

Você conhece o Salmo 88? O Salmo mais triste da bíblia? 

O Salmo 88 está na categoria dos Salmos de lamento, mas diferente de todos os outros, este Salmo não termina com um tom de esperança, alegria ou conforto.
Este Salmo tem como personagem principal um jovem músico, levita, chamado Hemã, que persistentemente ora ao Senhor por sua grave doença (provavelmente lepra). No Salmo 88 vemos o Levita Hemã clamando á Deus, e a única resposta dos céus é o total silencio! Não há cura. Não há conforto. Não há alegria neste salmo!

Algumas verdades que Hemã, o levita leproso, nos ensina:

1° NADA PODE CALAR A VOZ DE UM ADORADOR! vers. 1- 9 ( Hemã clama ao Senhor em meio a doença e O adora como Deus em meio a tribulação. Ele é um levita leproso que não deixa de adorar ao Senhor)

2° TEMOS UMA VIDA PARA VIVER E UMA VIDA SOMENTE PARA DEVOTAR Á DEUS! vers. 10-12 ( Hemã dialoga com Deus dizendo que na sua morte não haverá louvor. Se Hemã morresse, a sua adoração terminaria no túmulo. Por isso ele pede por sua vida, pois ele visa a adoração ao Senhor)

3° DEVEMOS TER UMA VIDA DE ORAÇÃO MESMO QUANDO DEUS NADA RESPONDE! vers. 13-14 ( Hemã ora continuamente ao Senhor, mesmo quando ele nada responde)

4° NÃO TEREMOS TUDO O QUE PEDIMOS! vers. 15-18 ( Hemã termina este Salmo sem uma resposta da parte do Senhor. Isso nos mostra que nem sempre Deus satisfará o desejo do nosso coração. o Senhor não quer fazer de nós filhos mimados, mas discípulos valentes.)

Que possamos aprender hoje a ser discípulos fieis, adoradores comprometidos, e filhos amados.

Que o jovem Hemã nos ensine a amar o Senhor por aquilo que Ele é, e não por aquilo que Ele faz

!Image